quinta-feira, 6 de outubro de 2011


LASCÍVIA BRUTA

Salva-me da lascívia bruta
Que condena minha alma estúpida
A enredar-se em teus desejos

Lava a minha boca púrpura
Que se oferece toda e tua
Para satisfazer teus beijos

Ameniza minha dor e culpa
Em sacrifício onde me ofereço nua
A silenciar teu apelo!

Viviane Ramos

Um comentário:

  1. Você gostaria deter seu texto (poema, conto, prosa, ensaio, matérias de cultura em geral, biografias de bandas, artesanato, turismo, artes plásticas, saúde, vida, sociedade...etc) no blog FANZINE EPISÓDIO CULTURAL?
    Envie seu texto com uma foto sua ou uma imagem relacionada ao texto para machadocultural@gmail.com

    Contatos:
    Carlos Roberto de Souza
    machadocultural@gmail.com
    (35) 8833-9255
    Blog da Academia Machadense de Letras
    http://academiamachadense.blogspot.com.br/

    VENHA FAZER PARTE DO GRUPO DA ACADEMIA MACHADENSE DE LETRAS
    https://www.facebook.com/groups/149884331847903/

    ResponderExcluir